domingo, 5 de agosto de 2007

Meu Plano

(Lenine/dudu Falcão)
Meu plano era deixar você pensar o que quiser
Meu plano era deixar você pensar
Meu plano era deixar você falar o que quiser
Meu plano era deixar você falar
Coisas sem sentido
Sem motivo, sem querer
Andei fazendo planos pra você
Engano seu, achar que fosse brincadeira
Engano seu
Aconteceu de ser assim dessa maneira, e o plano é meu
Mesmo sem motivo
Sem sentido, sem saber
Andei fazendo planos pra você
Pra você eu faço tudo e um pouco mais
Pra você ficar comigo e ninguém mais
Largo os compromissos
Deixo tudo ao largo
Você tenta em vão me convencer
Que é melhor não fazer planos pra você

Meu plano era deixar você fugir quando quiser
Meu plano era esperar você voltar
Engano seu, achar que o plano é passageiro
Engano meu
Acho que o destino, antes de nos conhecer
Fez um plano pra juntar eu e você
Pra você eu faço tudo e um pouco mais
Pra você ficar comigo e ninguém mais
Largo os compromissos
Deixo tudo ao largo
Você tenta em vão me convencer
Que é melhor não fazer planos pra você

Ouvi essa música tem algum tempo na voz de Daniela Mercury, acho até que só ela que gravou. Poxa, mas ela é linda demais. Não que eu tenha vivido algo parecido ou que esteja triste..mas gosto de imaginar algumas situações.
Vivo sabendo de histórias de casais que ficam sem compromissos e isso é definido em comum acordo. Ambos estão livres para ficar com quem quiser...Honestamente, acho muito moderno. Não condeno ninguém, mas acho que aceitar essa empreitada é criar uma situação pra ficar perto de quem se gosta e marcar algum encontro, sair com o carinha e mesmo não tendo a fidelidade já é uma forma de compromisso, é uma forma de planejar um relacionamento. Quem vai me dizer que de alguma forma não existe paixão nisso? Tudo que tem entrega tem paixão ( seja lá qual a medida disso) e não existe nada nessa vida sem planejar. Senão vira bagunça...até nesses namoros despretensiosos

3 sobrou pra você!:

Andre S. disse...

tenha uma boa semana meu bem, beijos. essa música parece ser legal, ainda não conheço. depois procuro. :)

Bruno disse...

DOIS PLANOS
Benzeno

Um plano teu
A minha mira
Se encontram no espaço
Desigual
Onde estou quieto
Por não ter o que dizer
Por não ter palavras exatas
Corpo vibra e chora
Tempo passa por mim
Estou perdido no mundo
Agora sei

Cadê o teu desejo?
Não esconda de mim
Onde está você?
Quando olho no teu rosto

Talvez você esteja
Perdida
Dentro de mim
Perto de nós

A tua vista distante
E o meu olhar
Se encontram no espaço
Desigual
Onde estou incerto
Por não ter o que dizer
Por não ter palavras sensatas
Corpo vibra e chora
Você passa por mim
Estou perdido no mundo
Outra vez

Ceiça Simões disse...

ahaaaaaaaaaa Bruna primeira vez qtô passando por aki uahsauhsu...
Amo essa música fazia tempoo q não escutava ela...Lindaaa d+++++...
Bjaumm amiga e uma ótimo fds p/ vc!!!