quinta-feira, 29 de novembro de 2007

Músicas e lembranças

Para quem tem uma vida de trilha sonora, " as paixões passam, as canções ficam..." Resta mesmo é saber como elas seguem depois de um fim de uma etapa, qual o significado dos poemas, das canções que registram uma vida cheia de ilusões, amores em vão.
A vida é assim, cheia de músicas e histórias. Lembro que quando era criança eu gostava de ouvir minha vó cantando. Eu cresci, minha vó não está mais neste plano, mas as canções ficaram e, vez ou outra, me vejo cantarolando. Lembrando da minha meninice, daquele cheiro de terra molhada nas regadas intermináveis das plantas naqueles finais da tarde com o céu rosa...tudo antes de apontar a primeira estrela, quando eu ia fazer um pedido ( Geralmente, para não crescer), e minha´vó Braunizia, cansava de assistir as três pirralhas histéricas que passavam a tarde correndo e ia deitar. Às seis da tarde " quando a lancha apitou e deu um sinal de partida, quando meu bem viajou"...
Tinha também músicas para quem queria sair por cima de um relacionamento, minha vó cantava sempre para mim ( fiquei meio vingativa por isso, rsrs). Não lembro toda e não tenho a mínima idéia de quem seja, mas escrevo um trecho:
Aquelas cartas que te dei tremendo
Aquelas cartas que te dei, enfim..
Despedaçadas quero elas todas
PorDeus te peço, esqueças de mim
Oh anjo ingrato, vivo iludida
Por outra amante queres me deixar
Ainda espero ver-te arrependido
Chorando, em prantos, sem poder me amar

2 sobrou pra você!:

Andre S. disse...

sempre é bom ficar ouvindo as lembranças, sejam musicais ou não. eu acho que sua vó devia ser bem engraçada. a música que ela cantava era bem sugestiva. beijos meu bem tenha uma sexta-feira e fim de semana!

Ester disse...

Eu deitada no seu lindo colo / adormecia com o seu calor / quando me lembro que tu eras falso / isso tudo me causava dor.
Hoje, 28/9/2012, minha mãe 91, e sua irmã 76, cantarolaram esses versos e, como sempre faço, procuro na net. Deparei c seu blog e resolvi completá-la p vc. Obrigada pela ajuda.