quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Sonho de padaria

E depois de ter sido tratada como qualquer coisa no msn, sigo sem medo até a janela de Sr. Macarrone que demora a responder. Eu, indignada, começo a fazer drama
Bruna diz: "Antigamente tu falavas mais comigo. Hoje, tu nem nada,não quer mais saber do Nordeste...meu croissant é frágil"
Bruna diz: meu croissant sofre. Croissant sofre por ti,meu pequeno croissant

Macarrone diz: corissant, hahahahahahaha
cuoresant
coracao santo

cuoresanto
croix saint
cruz santa...
eh uma cruz

Bruna diz: Vc trata meu croissant pior q um sonho de padaria e meu croissant sofre por ti

Macarrone: eh pq teu croissant eh meu sonho

Bobinha que sou, fui dormir feliz. Tem como não amar a Internet?



2 sobrou pra você!:

azeitonassuicidas disse...

por essas e outras que prefiro deixar meus sonhos na padaria. Pra não ter desculpa nem possibilidade de encontrá-los madrugada a dentro.

Joãozim disse...

(Não sei se é isso ou outra coisa... mas)

Às vezes eu quero chorar
Mas o dia nasce e eu esqueço
Meus olhos se escondem
Onde explodem paixões...
E tudo que eu posso te dar
É solidão com vista pro mar
Ou outra coisa prá lembrar...
Às vezes eu quero demais
E eu nunca sei
Se eu mereço
Os quartos escuros
Pulsam!
E pedem por nós...
E tudo que eu posso te dar
É solidão com vista pro mar
Ou outra coisa prá lembrar
Se você quiser
Eu posso tentar
Massss!...